Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2013

O SINDIPROENF-PR DESEJA A TODOS OS AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM DO PARANÁ, UM FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO COM MUINTA SAÚDE.

O ANO DE 2013 PARA A DIRETORIA DO SINDIPROENF-PR FOI ANO DE LUTA, SUPERAÇÃO E PERSEVERANÇA. LUTA EM FAVOR DA NOSSA CATEGORIA; COMO POR EXEMPLO, A AÇÃO MOVIDA PELO SINDIPROENF CONTRA A APAS E O ESTADO DO PARANÁ, ONDE A JUSTIÇA DETERMINOU AO ESTADO DO PARANÁ O PAGAMENTO DE DIAS TRABALHADOS DEVIDOS A MAIS DE 100 PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM QUE, COM O FIM DO CONTRATO COM O HOSPITAL DA POLICIA MILITAR E COM A APAS, SIMPLESMENTE RECEBERAM UM AVISO DE DISPENSA SEM DIREITO A NADA. ‘’MAS NÓS ESTÁVAMOS LÁ‘’. NÃO PODEMOS DEIXAR DE RECORDAR TAMBÉM QUE NESTE ANO DE 2013 O SINDIPROENF-PR ESTEVE ATUANTE E VIGILANTE NA LUTA PELAS 30 HORAS SEMANAIS; RELEMBRANDO QUE PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM DE CURITIBA REGIÃO METROPOLITANA E LITORAL MAIS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM RESIDENTES NOS MUNICÍPIOS DE LONDRINA E MARINGÁ ESTIVERAM CONOSCO NA MARCHA EM BRASÍLIA EM FAVOR DAS 30 HORAS, COMO TAMBÉM NO ATO DE LUTA NACIONAL QUE OCORREU NA PRAÇA RUI BARBOSA, TAMBÉM EM FAVOR DAS 30 HORAS. ‘’ NÓS ESTÁVAMOS LÁ ‘’. SUPERA…

A DIRETORIA DO SINDIPROENF-PR DESEJA A TODOS AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM DO PARANÁ UM FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO COM MUITA SAÚDE.

O ANO DE 2013 PARA A DIRETORIA DO SINDIPROENF-PR FOI ANO DE LUTA, SUPERAÇÃO E PERSEVERANÇA. LUTA EM FAVOR DA NOSSA CATEGORIA; COMO POR EXEMPLO, A AÇÃO MOVIDA PELO SINDIPROENF CONTRA A APAS E O ESTADO DO PARANÁ, ONDE A JUSTIÇA DETERMINOU AO ESTADO DO PARANÁ O PAGAMENTO DE DIAS TRABALHADOS DEVIDOS A MAIS DE 100 PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM QUE, COM O FIM DO CONTRATO COM O HOSPITAL DA POLICIA MILITAR COM A APAS, SIMPLESMENTE RECEBERAM O AVISO DE DISPENSA SEM DIREITO A NADA. ‘’MAS NÓS ESTÁVAMOS ‘’. NÃO PODEMOS DEIXAR DE RECORDAR QUE NESTE ANO DE 2013 O SINDIPROENF-PR ESTEVE ATUANTE E VIGILANTE NA LUTA PELAS 30 HORAS SEMANAIS; RELEMBRANDO QUE PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM ESTIVERAM CONOSCO NA MARCHA EM BRASÍLIA EM FAVOR DAS 30 HORAS, COMO TAMBÉM NO ATO DE LUTA NACIONAL QUE OCORREU NA PRAÇA RUI BARBOSA, TAMBÉM EM FAVOR DAS 30 HORAS. ‘’ NÓS ESTÁVAMOS LÁ ‘’. SUPERAÇÃO CONTRA OS MAIS DE DEZ SINDICATOS ECLÉTICOS QUE AGLOMERAM NOSSA CATEGORIA, ONDE MUITOS DELES PASSARAM A ATACAR A HONRA DA DIRETORIA …

APÓS ESTA AUDIÊNCIA, CERCA DE 30 PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM RECEBERAM SEUS DIREITOS.

PUBLICAÇÃO
ATA DE AUDIÊNCIA
PROCESSO: 11676-2013-008-09-00-3 AUTOR: Sindicato dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem do Estado do Paraná - Sindiproenf RÉU: Apas - Associacao dos Profissionais da Area de Saude e outros
Em 10 de dezembro de 2013, na sala de sessões da MM. 8ª VARA DO TRABALHO DE CURITIBA/PR, sob a direção da Exma. Juíza Lara Cristina Vanni Romano, realizou-se audiência relativa ao processo identificado em epígrafe. Às 10h08min, aberta a audiência, foram, de ordem da Exma. Juíza do Trabalho, apregoadas as partes.
Presente o representante sindical do autor, Sr. Djalma de Oliveira Pedro. Presente a advogada, Dra. Erica Martins Frediani, OAB nº 22168/PR. Presente o preposto do réu Apas - Associacao dos Profissionais da Area de Saude, Sr. Ednilson Barrichello Vedi, acompanhado do advogado, Dr. Luis Perci Raysel Biscaia, OAB nº 24029/PR. Presente o réu Ednilson Barrichello Vedi, acompanhado do advogado, Dr. Luis Perci Raysel Biscaia, OAB nº 24029/PR. Ausente o réu Estado do Paran…

2 CONGRESSO BRASILEIRO DE AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM, ENFERMAGEM EM REAÇÃO: ORGANIZAÇÃO SINDICAL JÁ.

SINDICATO É PARA LUTAR; QUER TER SUA EQUIPARAÇÃO SALARIAL FALE CONOSCO: sindicatodeenfermagem@hotmail.com

13 de novembro de 2012 10:47- Atualizado em5 de agosto de 2013 15:54
TST: Auxiliar de Enfermagem ganha diferenças salariais do cargo de TécnicoA Associação Paranaense de Cultura ( HOSPITAL CAJURU ) foi obrigada a pagar diferenças salariais a uma auxiliar de enfermagem que exercia funções de técnica de enfermagem. Foi o que o decidiu a Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho, ao restabelecer a sentença do primeiro grau, com fundamento na Lei 7.498/86, que exige o mesmo nível de escolaridade…TST  83 A Associação Paranaense de Cultura foi obrigada a pagar diferenças salariais a uma auxiliar de enfermagem que exercia funções de técnica de enfermagem. Foi o que o decidiu a Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho, ao restabelecer a sentença do primeiro grau, com fundamento na Lei 7.498/86, que exige o mesmo nível de escolaridade para as funções de auxiliar e técnico de enfermagem, diferenciando-as apenas quanto às atividades exercidas. Na ação aj…