Pular para o conteúdo principal

30 HORAS PARA ENFERMAGEM SÓ NA RUA....

09/04/2014 Entidades e governo negociam votação das 30h Cofen continua na luta para que o PL 2295/2000 seja colocado em pauta na Câmara dos Deputados Imprimir Imprimir Na semana passada, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e demais entidades representativas da profissão foram convocados pelo governo para uma reunião a fim de discutir estratégias de colocação do PL 2295/2000, que regulamenta a jornada de trabalho dos profissionais de enfermagem em 30h semanais, em votação. As entidades esperavam a apresentação de proposta efetiva de implantação pelo ministro. Ao invés disso, o governo sugeriu a realização de eventos científicos para discutir a formação acadêmica da enfermagem, a segurança do paciente, entre outros temas, frustrando o movimento do Fórum 30h Já. STU_4281 Ao final do encontro, após vários debates, a proposta foi aprovada e encaminhada. Também ficou definido que haverá mais duas rodadas de negociação marcadas para dia 16 de abril e dia 5 de maio de 2014, em que se buscará a construção de nova proposta que atenda aos interesses das partes envolvidas. Ainda durante este período, o governo promoverá reuniões bilaterais com o setor privado para aperfeiçoar a proposta, já que se trata da área que mais apresenta rejeição contra a aprovação do projeto das 30h. Participaram do encontro a vice-presidente e o conselheiro federal do Cofen, Irene Ferreira e Antônio Marcos Freire, representantes dos trabalhadores de enfermagem, da Federação Nacional de Enfermagem (FNE), da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Saúde (CNTS), da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), do setor privado, além da deputada Alice Portugal, parlamentar articuladora em defesa do PL. Compromisso de Henrique Alves Os conselheiros federais Antonio Marcos Freire Gomes, Julita Feitosa e Wilton José Patrício, juntamente com os demais representantes do Fórum 30 horas Já, reuniram-se com o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, na manha desta quarta-feira (9), para tratar sobre o prazo de votação do Pl 2295/00. STU_4265 O deputado se comprometeu a exigir do governo, até o próximo dia 5 de maio, uma definição sobre a proposta de votação do PL. No dia 5 de maio está prevista um encontro o Ministro da Saúde, Arthur Chioro. Para representantes do Fórum, o governo tem de que apresentar uma definição clara para a categoria de enfermagem. O Fórum já apresentou várias condicionalidades para que o projeto não esbarre mais em obstáculos, como a exclusão dos profissionais do Programa Saúde da Família (PSF) e a implantação escalonada da nova jornada. STU_4289 “O Fórum se reunirá e definirá, definitivamente, as novas estratégias para o Pl 2295/00. Devemos exigir uma posição concreta do governo e não apenas promessas de estudos e reuniões”, afirma o conselheiro Antonio Marcos. Cofen mantém mobilização das 30 horas na câmara Na tarde de ontem (8), representantes do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e do fórum 30 hrs continuaram buscando apoio dos líderes partidários para por o projeto de Lei 2295/2000 que trata da regulamentação da jornada de trabalho em 30h semanais, em pauta. Saiba mais: O Projeto de Lei do Senado 2.295/2000, mais conhecido como PL 30 Horas, estabelece a jornada máxima de 30 horas semanais para os enfermeiros/as, técnicos/as e auxiliares de enfermagem. Inclusive, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) da Organização das Nações Unidas (ONU) recomenda esta jornada, argumentando que é o melhor para pacientes e trabalhadores da saúde do mundo inteiro. Hoje, o contingente de mais de 1,5 milhão de profissionais da Enfermagem, juntamente com as suas organizações representativas, solicitam aos senhores deputados federais que defendam a votação em plenário do PL 30 Horas. Projeto de Lei: http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=17915 Fonte: Ascom-Cofen Avalie

Postagens mais visitadas deste blog

SALÁRIOS 2016 GARIS DE CURITIBA - VEM AÍ O SINDICATO DE ENFERMAGEM DO PARANÁ.

Tabela de Salários Cavo 2016 ( GARIS DE CURITIBA ) Coletor Domiciliar                                                 Salário R$ 1.365,39 Assiduidade R$ 136,53 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 TOTAL R$ 2.840,03 Coletor Lixo Reciclável Salário R$ 1.307,36 Assiduidade R$ 130,73 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.776,20 Varredor Salário R$ 1.170,24 Assiduidade R$ 117,02 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.449,37 Servente Salário R$ 1.155,01 Assiduidade R$ 115,50 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.432,62 Operador de Roçadeira Salário R$ 1.320,74 Assiduidade R$ 132,07 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.790,92

 OUTROS: AUXILIO CRECHE - PLANO DE SAÚDE - SEGURO DE VIDA ETC... FONTE: http://www.siemaco.org.br/salarios/2016%20CAVO.pdf

ESCALA DE TRABALHO FOLGA SEMANAL...

JORNADA DE TRABALHO: São 8 horas diárias ou 44 horas semanais pela CLT e, considerando a Constituição de 1998; A Jornada de trabalho pode variar de acordo com a Instituição. Na enfermagem é comum encontrarmos vários tipos de jornadas; os mais comuns são: De 8 horas diárias ou 40 horas semanais, com dois descansos semanais; De 6 horas diárias ou 36 horas semanais, com um descanso semanal; De 6 horas diárias ou 30 horas semanais, com dois descansos semanais; De 12 horas de trabalho por 36 horas de intervalo entre as jornadas (chamados turnos de 12 por 36), com um descanso semanal; Ao realizar uma escala de pessoal, o profissional enfermeiro deve, portanto, levar em consideração a jornada de trabalho vigente na Instituição; inclusive podemos ter Instituições com jornadas diferentes para diferentes funcionários, o que significa que o profissional deverá elaborar a escala com pessoas que cumprem jornadas diferentes, o que torna o trabalho mais complexo. C L T -TIICIISII Art. 58 LEI COM…

SALÁRIO ENFERMAGEM PARANÁ 2017

SALARIÔMETRO
O valor representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322205 - Técnico de enfermagem socorristacom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 564 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017.


R$ 1.342
 SALARIÔMETRO
O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322205 - Técnico em hemotransfusãocom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 564 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017.

R$ 1.342
 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322210 - Técnico em hemodiálisecom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 2 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017. R$ 1.800

 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322210 - Técnico em UTIcom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 2 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017. R$ 1.800

 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa…