Pular para o conteúdo principal

TÉCNICA DE ENFERMAGEM QUE LABORAVA EM UTI CONQUISTA ADICIONAL DE PERICULOSIDADE POR EXPOSIÇÃO A RADIAÇÃO IONIZANTE..


Resultado de imagem para RADIACAO IONIZANTE PERICULOSIDADEResultado de imagem para RADIACAO IONIZANTE PERICULOSIDADE
TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO
CONCLUSÃO
Nego seguimento"(seq. 1, págs. 903/912).
O despacho que denegou seguimento ao recurso de revista deve ser mantido por seus próprios fundamentos.
No caso, do adicional de periculosidade, o Tribunal Regional, analisando o contexto fático-probatório dos autos, insuscetível de reexame nesta instância superior, a teor da Súmula 126 do TST, consignou que a prova pericial constatou que a reclamante, atuando na função de técnica de enfermagem, desenvolvia suas funções na UTI, onde diariamente eram realizados exames radiológicos, e que poderia permanecer na sala, sem a devida proteção, realizando procedimentos em seus pacientes que não podiam ser interrompidos. Destacou que, de acordo com a prova testemunhal, o procedimento era realizado com frequência, expondo a reclamante de forma habitual e intermitente à radiação ionizante.
Desse modo, a decisão regional decidiu em harmonia com a jurisprudência consolidada deste Tribunal Superior do Trabalho representada pela Súmula 364 e pela Orientação Jurisprudencial nº 345 da SBDI-1 desta Corte.
Estando a decisão recorrida em conformidade com a jurisprudência pacífica do TST, não prospera a arguição de violação dos dispositivos legais trazidos pela parte agravante, nem de contrariedade a entendimento jurisprudencial desta Corte ou mesmo de divergência jurisprudencial, nos termos da Súmula n.º 333 do TST.
Ademais, a pretensão de revolver o conjunto fático-probatório dos autos configura expediente vedado nesta instância recursal, nos termos da Súmula nº 126 do TST.
Quanto à concessão de assistência judiciária gratuita, a Corte Regional consignou expressamente que a reclamada não demonstrou sua precariedade financeira em moldes que autorizem o deferimento do benefício pleiteado e, acrescentou que" na verdade o hospital reclamado defende exatamente o contrário, que é desnecessária tal demonstração, e sendo assim, nenhuma prova apresentou neste sentido ".
Esta Corte já pacificou o entendimento de que, a concessão do benefício da Justiça Gratuita, previsto no art. da Lei n.º 1.060/1950, conquanto extensível ao empregador, pessoa jurídica, prescinde de prova cabal e inequívoca da sua insuficiência econômica.
Na hipótese, observa-se que a ré requer o benefício da justiça gratuita, contudo, não juntou qualquer documento que demonstre de forma inequívoca a sua insuficiência econômica a ensejar a concessão do benefício.
Nesse mesmo sentido, cito os seguintes precedentes desta Corte:"

Postagens mais visitadas deste blog

SALÁRIOS 2016 GARIS DE CURITIBA - VEM AÍ O SINDICATO DE ENFERMAGEM DO PARANÁ.

Tabela de Salários Cavo 2016 ( GARIS DE CURITIBA ) Coletor Domiciliar                                                 Salário R$ 1.365,39 Assiduidade R$ 136,53 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 TOTAL R$ 2.840,03 Coletor Lixo Reciclável Salário R$ 1.307,36 Assiduidade R$ 130,73 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.776,20 Varredor Salário R$ 1.170,24 Assiduidade R$ 117,02 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.449,37 Servente Salário R$ 1.155,01 Assiduidade R$ 115,50 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.432,62 Operador de Roçadeira Salário R$ 1.320,74 Assiduidade R$ 132,07 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.790,92

 OUTROS: AUXILIO CRECHE - PLANO DE SAÚDE - SEGURO DE VIDA ETC... FONTE: http://www.siemaco.org.br/salarios/2016%20CAVO.pdf

ESCALA DE TRABALHO FOLGA SEMANAL...

JORNADA DE TRABALHO: São 8 horas diárias ou 44 horas semanais pela CLT e, considerando a Constituição de 1998; A Jornada de trabalho pode variar de acordo com a Instituição. Na enfermagem é comum encontrarmos vários tipos de jornadas; os mais comuns são: De 8 horas diárias ou 40 horas semanais, com dois descansos semanais; De 6 horas diárias ou 36 horas semanais, com um descanso semanal; De 6 horas diárias ou 30 horas semanais, com dois descansos semanais; De 12 horas de trabalho por 36 horas de intervalo entre as jornadas (chamados turnos de 12 por 36), com um descanso semanal; Ao realizar uma escala de pessoal, o profissional enfermeiro deve, portanto, levar em consideração a jornada de trabalho vigente na Instituição; inclusive podemos ter Instituições com jornadas diferentes para diferentes funcionários, o que significa que o profissional deverá elaborar a escala com pessoas que cumprem jornadas diferentes, o que torna o trabalho mais complexo. C L T -TIICIISII Art. 58 LEI COM…

SALÁRIO ENFERMAGEM PARANÁ 2017

SALARIÔMETRO
O valor representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322205 - Técnico de enfermagem socorristacom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 564 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017.


R$ 1.342
 SALARIÔMETRO
O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322205 - Técnico em hemotransfusãocom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 564 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017.

R$ 1.342
 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322210 - Técnico em hemodiálisecom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 2 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017. R$ 1.800

 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa o salário médio inicial para a ocupação CBO 322210 - Técnico em UTIcom o perfil escolhido nesta consulta. Foi calculado com base nas 2 contratações observadas entre set/2016 e fev/2017. R$ 1.800

 SALARIÔMETRO O valor abaixo representa…