Pular para o conteúdo principal

PROFISSIONAL DE ENFERMAGEM OU GARI! ESCOLHA...


Resultado de imagem para TECNICO DE ENFERMAGEM EMERGENCIA

TABELA SALARIAL – PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM DE CURITIBA E REGIÃO METROPOLITANA  Pisos a partir de Maio 2017 até Abril 2018 SINDESC - SINDIPAR Os pisos salariais da categoria ficam assim fixados:
 A)Aprendiz (na forma da inteligência dos artigos 428 e seguintes da CLT e Decreto 5.598/2005) ............................................................................................................................................................. - R$ 1.270,00
 B)Contínuo, guarda, vigia, porteiro, auxiliar de cozinha, lavanderia e auxiliar de costura, copeira, zelador(a), servente, lactarista, auxiliar de serviços gerais.......................................................................................... R$ 1.270,00
C)Recepcionista, auxiliar administrativo de consultório, auxiliar de escritório, auxiliar de departamento pessoal, auxiliar de contabilidade, auxiliar de compras, operador de telemarketing, auxiliar de faturamento, auxiliar administrativo de enfermagem, cozinheiro(a), costureiro(a).................................................................... R$ 1.270,00
 D)Auxiliar Odontológico, auxiliar de farmácia, almoxarife, cardexista, auxiliar de serviço social, auxiliar de manutenção, auxiliar de creche, telefonista, socorrista, atendente de laboratório e fisioterapia, atendente de enfermagem, banhista de animais domésticos, cuidador(a) de idoso, auxiliar de oftalmologia, auxiliar de consultório veterinário -  R$ 1.280,00
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 E)Auxiliar de Enfermagem, auxiliar de cobaltoterapia, auxiliar de hemoterapia, escriturário, auxiliar de laboratório, auxiliar de enfermagem veterinária, tosador de animais domésticos, esteticista de animais domésticos, auxiliar de protético - R$ 1.377,00
 F)Técnico(a) de enfermagem, técnico(a) de higiene dental e técnico(a) de laboratório, técnico(a) protético, técnico(a) de enfermagem do trabalho, técnico(a) em próteses ortopédicas, técnicos(as) em próteses dentárias, técnico(a) em imobilizações ortopédicas - R$ 1.500,00 
G)Enfermeiros (as), biólogos(as), assistentes sociais, biomédicos - R$ 2.500,00 
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
CORREÇÃO SALARIAL: A partir de 01/05/2017 os salários serão corrigidos no percentual de 4,5% sobre os salários praticados em ABRIL 2017.
AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO: A partir de 01/05/2017 será concedido o auxílio alimentação reajustado ao valor de R$ 405,00 (quatrocentos e cinco reais mensais) conforme estabelecido em CCT 2017/2018.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
INSALUBRIDADE: A partir de 01/05/2017 a insalubridade será de R$ 210,80 (20%) e R$ 421,60 (40%). A base de cálculo é de R$ 1.054,00.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AUXILIO FUNERAL: Fica reajustado a partir de 1º de maio de 2017, pela presente CCT, o auxílio funeral básico quando da ocorrência de morte acidental ou natural do empregado. Os empregadores pagarão mensalmente ao SINDESC o valor de R$ 8,50 (oito reais e cinqüenta centavos) por empregado, para custeio do presente auxílio funeral. Tal pagamento deverá ser realizado até o 5º (quinto) dia útil de cada mês, na sede do SINDESC com a apresentação da Lista de Empregados, mediante a emissão de recibo, ou por meio de boleto emitido diretamente do site do sindicato WWW.sindescsaude.com.br A cobertura do auxílio funeral perdurará somente no período que o (a) empregado (a) estiver laborando na empresa, não prevalecendo, portanto, depois da rescisão contratual.
HOMOLOGAÇÃO: Fica estabelecida, em favor do empregado, multa no valor de R$ 405,00, caso falta ou atraso do empregador ou seu preposto para as homologações de contrato de trabalho agendadas pelo SINDESC ou ainda falta de documentos necessários para a rescisão.

AVALIAÇÃO SINDIPROENF/PR;
TÉC. DE ENFERMAGEM PISO SAL R$ 1.500,00 + 20% DE INSALUBRIDADE R$ 210,80 + VALE ALIMENTAÇÃO R$ 405,00 TOTAL: R$ 2.105,00

AUX. DE ENFERMAGEM PISO SAL R$ 1.377 + 20% DE INSALUBRIDADE R$ 210,80 + VALE ALIMENTAÇÃO R$ 405,00 TOTAL: R$ 1982,80

ENFERMEIRO PISO SAL R$ 2.500,00 + 20% DE INSALUBRIDADE R$ 210,80 + VALE ALIMENTAÇÃO R$ 405,00 TOTAL: R$ 3.115,80
________________________________________________________________________________

Resultado de imagem para GARIS DE CURITIBA



TABELA SALARIAL GARIS DE CURITIBA Pisos a partir de Março 2017 até Fevereiro 2018

 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018
NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001262/2017
DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/04/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR021132/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.007152/2017-03
DATA DO PROTOCOLO: 20/04/
Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EMPRESAS DE ASSEIO E CONSERVACAO DE CURITIBA, CNPJ n. 75.954.354/0001- 74, neste ato representado(a) por seu Presidente, Sr(a). MANASSES OLIVEIRA DA SILVA; E CAVO SERVICOS E SANEAMENTO S/A, CNPJ n. 01.030.942/0008-51, neste ato representado(a) por seu Procurador, Sr(a). MARLON BATISTA DA SILVA e por seu Procurador, Sr(a). LEONARDO GUIMARAES CRUZ PATRICIO ; celebram o presente ACORDO COLETIVO DE TRABALHO, estipulando as condições de trabalho previstas nas cláusulas seguintes:

CLÁUSULA PRIMEIRA - VIGÊNCIA E DATA-BASE As partes fixam a vigência do presente Acordo Coletivo de Trabalho no período de 01º de março de 2017 a 28 de fevereiro de 2018 e a data-base da categoria em 01º de março.

CLÁUSULA SEGUNDA - ABRANGÊNCIA O presente Acordo Coletivo de Trabalho, aplicável no âmbito da(s) empresa(s) acordante(s), abrangerá a(s) categoria(s) dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Plano CTNC, com abrangência territorial em Curitiba/PR. Salários, Reajustes e Pagamento Piso Salarial

CLÁUSULA TERCEIRA - ABRANGÊNCIA ESPECÍFICA O presente Acordo Coletivo de Trabalho, aplicável no âmbito da(s) empresa(s) acordante(s), abrangerá a(s) categoria(s) profissional dos empregados de empresas de asseio e conservação do Plano da CNTC (todos os empregados que prestam serviços no contrato de limpeza pública com o Município de Curitiba/PR, excetuados os de categorias diferenciadas), com abrangência territorial em Curitiba/PR.

CLÁUSULA QUARTA - PISO SALARIAL Fica assegurado aos empregados abrangidos por este Acordo o piso de R$ 1.224,31 para as atividades de limpeza urbana e de R$ 1.150,00, para as atividades internas da empresa, ambos devidos para uma jornada de trabalho de 220 horas mensais.

CLÁUSULA QUINTA - SALÁRIOS FUNCIONAIS Os empregados, lotados na mão de obra direta das funções ou atividades discriminadas a seguir, perceberão a remuneração correlacionada, desde que satisfeita a frequência integral mensal bem como as condições convencionadas para os pagamentos ou fornecimento de cada parcela. Os salários reajustados vigem a partir de 01 de Março de 2017.

A) VARREDOR / AJUDANTE DE SERVIÇOS DIVERSOS Salário mensal R$ 1.240,45 Insalubridade mensal (cláusula 10ª) R$ 187,40 (20% do salário mínimo) Assiduidade mensal (cláusula 11ª) R$ 124,04 (10% do salário nominal) Vale – Refeição mensal (cláusula 13ª) R$ 689,25 (25 vales de R$ 27,57) Vale – Alimentação mensal (cláusula 14ª) R$ 390,75 (25 vales de R$ 15,63) Total R$ 2.631,89

B) OPERADOR DE ROÇADEIRA Salário mensal R$ 1.399,98 2 Insalubridade mensal (cláusula 10ª) R$ 374,80 (40% do salário mínimo) Assiduidade mensal (cláusula 11ª) R$ 140,00 (10% do salário nominal) Vale – Refeição mensal (cláusula 13ª) R$ 689,25 (25 vales de R$ 27,57) Vale – Alimentação mensal (cláusula 14ª) R$ 390,75 (25 vales de R$ 15,63) Total R$ 2.994,78

C) COLETOR DE LIXO DOMICILIAR Salário mensal R$ 1.447,32 Insalubridade mensal (cláusula 10ª) R$ 374,80 (40% do salário mínimo) Assiduidade mensal (cláusula 11ª) R$ 144,73 (10% do salário nominal) Vale – Refeição mensal (cláusula 13ª) R$ 689,25 (25 vales de R$ 27,57) Vale – Alimentação mensal (cláusula 14ª) R$ 390,75 (25 vales de R$ 15,63) Total R$ 3.046,85

D) CLASSIFICADOR DE RESÍDUOS / COLETOR DE RESÍDUOS DIVERSOS Salário mensal R$ 1.385,81 Insalubridade mensal (cláusula 10ª) R$ 374,80 (40% do salário mínimo) Assiduidade mensal (cláusula 11ª) R$ 138,58 (10% do salário nominal) Vale – Refeição mensal (cláusula 13ª) R$ 689,25 (25 vales de R$ 27,57) Vale – Alimentação mensal (cláusula 14ª) R$ 390,75 (25 vales de R$ 15,63) Total R$ 2.979,19


E) SERVENTE Salário mensal R$ 1.224,31 Insalubridade mensal (cláusula 10ª) R$ 187,40 (20% do salário mínimo) Assiduidade mensal (cláusula 11ª) R$ 122,43 (10% do salário nominal) Vale – Refeição mensal (cláusula 13ª) R$ 689,25 (25 vales de R$ 27,57) Vale – Alimentação mensal (cláusula 14ª) R$ 390,75 (25 vales de R$ 15,63) Total R$ 2.614,14  

ACRESCENTE Á ISSO: VALE CRECHE - PLANO DE SAÚDE - AUXÍLIO FUNERAL - SEGURO DE VIDA - AUXÍLIO PATERNIDADE, JORNADA DE TRABALHO12X36  ENTRE OUTROS...

NOTA DO SINDIPROENF/PR: MAIS UMA VEZ PARABENIZAMOS OS GARIS DE CURITIBA POR SUA UNIDADE QUE TRADUZ EM VALORIZAÇÃO E CONFIANÇA EM SEU SINDICATO.

'' VEM AÍ O SINDICATO DOS AUXILIARES E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM DO ESTADO DO PARANÁ.''

Postagens mais visitadas deste blog

SALÁRIOS 2016 GARIS DE CURITIBA - VEM AÍ O SINDICATO DE ENFERMAGEM DO PARANÁ.

Tabela de Salários Cavo 2016 ( GARIS DE CURITIBA ) Coletor Domiciliar                                                 Salário R$ 1.365,39 Assiduidade R$ 136,53 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 TOTAL R$ 2.840,03 Coletor Lixo Reciclável Salário R$ 1.307,36 Assiduidade R$ 130,73 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.776,20 Varredor Salário R$ 1.170,24 Assiduidade R$ 117,02 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.449,37 Servente Salário R$ 1.155,01 Assiduidade R$ 115,50 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 176,00 Total R$ 2.432,62 Operador de Roçadeira Salário R$ 1.320,74 Assiduidade R$ 132,07 Vales (alimentação e refeição) R$ 986,11 Insalubridade (SM) R$ 352,00 Total R$ 2.790,92

 OUTROS: AUXILIO CRECHE - PLANO DE SAÚDE - SEGURO DE VIDA ETC... FONTE: http://www.siemaco.org.br/salarios/2016%20CAVO.pdf

ESCALA DE TRABALHO FOLGA SEMANAL...

JORNADA DE TRABALHO: São 8 horas diárias ou 44 horas semanais pela CLT e, considerando a Constituição de 1998; A Jornada de trabalho pode variar de acordo com a Instituição. Na enfermagem é comum encontrarmos vários tipos de jornadas; os mais comuns são: De 8 horas diárias ou 40 horas semanais, com dois descansos semanais; De 6 horas diárias ou 36 horas semanais, com um descanso semanal; De 6 horas diárias ou 30 horas semanais, com dois descansos semanais; De 12 horas de trabalho por 36 horas de intervalo entre as jornadas (chamados turnos de 12 por 36), com um descanso semanal; Ao realizar uma escala de pessoal, o profissional enfermeiro deve, portanto, levar em consideração a jornada de trabalho vigente na Instituição; inclusive podemos ter Instituições com jornadas diferentes para diferentes funcionários, o que significa que o profissional deverá elaborar a escala com pessoas que cumprem jornadas diferentes, o que torna o trabalho mais complexo. C L T -TIICIISII Art. 58 LEI COM…

COREN-PR ELEIÇÃO 2017 CHAPA ÚNICA NUNCA MAIS..

ALERTA
SE O VOTO É OBRIGATÓRIO; E O PROFISSIONAL DE ENFERMAGEM QUE NÃO VOTAR SERÁ PUNIDO COM MULTA DE UM VALOR DE SUA ANUIDADE, PORQUE CHAPA ÚNICA. SE 04 CHAPAS DE ENFERMEIROS E 03 CHAPAS DE TÉCNICOS E AUXILIARES  SE INSCREVERAM É JUSTO QUE A CATEGORIA VOTE POR ESCOLHA E NÃO POR IMPOSIÇÃO ATRAVÉS DA MULTA VERGONHOSA.... CHAPA ÚNICA NUNCA MAIS...

 ALERTA ELEIÇÕES COREN - PR 2017   












CHAPA ÚNICA NUNCA MAIS!!

EM 01/10/2017 A CATEGORIA DE ENFERMAGEM VAI ELEGER SEUS             REPRESENTANTES ATRAVÉS DO VOTO PELA INTERNET.
TALVEZ A CATEGORIA DE ENFERMAGEM NÃO SAIBA, QUE 04 CHAPAS DE ENFERMEIROS E 03 CHAPAS DE TÉCNICOS E AUXILIARES DE ENFERMAGEM APRESENTARAM INSCRIÇÃO.  
   PORÉM A COMISSÃO ELEITORAL QUE FOI ESCOLHIDA PELA ATUAL GESTÃO, INDEFERIU TODAS AS CHAPAS; E MANTEVE APENAS UMA ÚNICA CHAPA DE ENFERMEIROS QUE É DA ATUAL GESTÃO E UMA ÚNICA CHAPA DE TÉCNICOS QUE TAMBÉM É DA ATUAL GESTÃO

ISTO É CARO COLEGAS? O VOTO É OBRIGATÓRIO E SE NÃO VOTAR NA CHAPA ÚNICA QUE JÁ ESTARÁ ELEITA PAGARÁ MULTA N…